Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

Um simples adeus a Fernando Sousa

Trabalhei com Fernando Sousa em 1976, na RDP, era eu um jovem arrivista deslumbrado e ele um jornalista igualmente jovem mas com os pés mais assentes na terra. Eu preocupava-me com os jogos de poder interno da altura, na rádio, ele com os jornalistas suspensos – desde 25 de novembro de 1975 – que se juntavam à entrada das instalações da Sampaio e Pina. Hoje, sinto-me triste pelo seu desaparecimento, a vida vai-se, é assim.

img_757x426$2014_10_09_10_40_19_409866