Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

Trememos só de supor o que aí vem

Em abril, face ao galope do coronavírus, a administração Trump – por certo a contragosto – avançou com 10 mil milhões de dólares para criar a Operation Warp Speed (operação ao dobro da velocidade) para apoiar a pesquisa, fabrico e distribuição de vacinas para a covid-19.

No “60 Minutos”, a SIC Notícias deu-nos a conhecer o líder dessa “task force”, o general Gustave Perna, de 60 anos, veterano da guerra do Iraque e com uma sólida carreira no Exército. Ele explicou o funcionamento da OWS e resumiu as medidas que adotaram para que a primeira vacina, a da Pfizer, possa começar a ser tomada já em dezembro, nos EUA. Uma das particularidades é a da segurança, naturalmente armada, em torno da operação. Tudo em grande, tudo à americana.

Por cá, os militares são chamados apenas em caso da guerra que não há – ou em casos de aperto para trabalhos menores –e os generais levam para casa, na reserva e na reforma, uma imensa sabedoria acumulada que os políticos desprezam – mesmo os que não passam de idiotas chapados. Há dias, a ministra da Saúde garantia que o nosso dia seguinte estava a ser tratado, não se percebe por quem mas seguramente por gente “de confiança”. E em vez de alívio pela breve chegada da salvação, os portugueses tremem só de supor o que aí vem…

Antena paranoica, Correio da Manhã, 24nov20