Nota 100 para Rui Dias

  O lançamento de “Os 100 magníficos – os melhores de sempre do futebol português”, que decorreu há dias no Espaço 10, de Rui Costa, proporcionou uma reunião de notáveis do desporto-rei ao nível da magnífica obra que o meu camarada Rui Dias assinou. E só não considero que o evento e o próprio livro constituam o zénite da carreira de um dos grandes jornalistas portugueses porque o Rui está, e estará por muitos anos, em plena idade de ouro, pelo que dele receberão ainda os leitores muitos e muitos... Leia o resto →

Vieira & Costa, o Benfica que sobreviveu às intrigas

É comum felicitar os vencedores. E o Benfica foi campeão graças ao esforço e qualidade dos seus jogadores, ao conhecimento e sagacidade de Jorge Jesus, à competência do seu departamento de futebol e ao entusiástico apoio dos seus adeptos. Merecem o título. Mas uma palavra é devida às cabecinhas pensadoras. Desde logo ao presidente Vieira, que soube aproveitar a enorme capacidade da marca Benfica para gerar receitas e investiu milhões na equipa de futebol, com a certeza de que teriam retorno… desde que o Benfica fosse campeão. O Mundo está cheio... Leia o resto →

 
Back to top