Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

Três chás no deserto

Depois dos piores dias da minha vida, qualquer notícia me parecia desinteressante, mesmo tendo pela frente, em Porto Santo, o melhor mar de Portugal. Mas obriguei-me a identificar figuras da área do desporto que me pudessem tocar e encontrei – foram três chás no meu deserto. O Europeu… Read More

O recomeço benfiquista

Os benfiquistas, pelo menos alguns, vivem tempos de angústia. Entre certezas e dúvidas, casos como as possíveis partidas de Maxi, Gaitán, Jonas ou Lima constituem, depois da saída de Jorge Jesus, um autêntico desespero. Nada de mais. Como se viu no FC Porto, equipas vencedoras têm de ser… Read More

O dilema de Luís Filipe Vieira

Em apenas um ano, a SAD do Belenenses reduziu o passivo de 10 para cerca de 8 milhões de euros, um trabalho ciclópico. Mas a boa gestão de Rui Pedro Soares não apagou as irresponsabilidades do passado e os credores – pouco dados a comover-se com boas práticas… Read More

Um intruso chamado Benfica

Não adianta procurar outros responsáveis pela excelente época do Benfica, campeão nacional e finalista da Liga Europa e das taças de Portugal e da Liga. Eles são os mesmos que, há precisamente um ano, falharam o título por causa de um golo fortuito e não conseguiram conquistar, mesmo… Read More

Renovar com Jesus é a decisão certa

Tudo indica estarem certas as especulações dos últimos dias – aliás, reproduzidas como notícias em quase todas as primeiras páginas da imprensa portuguesa – que dão como segura a permanência de Jorge Jesus no Benfica. Já aqui expliquei os motivos que me levam a considerar essa decisão, a… Read More

Jesus não tem nada para “pensar”

A rapaziada que voga ao sabor das ondas pede agora a Luís Filipe Vieira a cabeça de Jorge Jesus, como se a palavra do presidente fosse letra morta ou como se o técnico pudesse ter evitado a “maldição dos descontos”, ou seja, o remate da vida de Kelvin… Read More

Canto direto: Não aprovar contas é um ato normal e até salutar

Luís Filipe Vieira sofreu, na AG de anteontem, uma derrota inesperada. Ou talvez não. Se a memória dos homens existisse, o “chumbo” do relatório e contas de 2011/12 poderia ter acontecido na mesma. O que não sucederia certamente seriam os assobios, os insultos e os pedidos de demissão,… Read More

Vieira, o anti-sniper

O jantar que ontem reuniu Luís Filipe Vieira e José Eduardo Moniz pode ser considerado parte integrante da estratégia eleitoral do presidente benfiquista? Pode e não faltará quem aproveite o embalo dessa onda. Mas vejo o encontro de forma bem mais positiva, já que Vieira tem vindo a… Read More

Líder à vista na FPF

É sempre incómodo fazer futurologia, mas mesmo assim arrisco: Fernando Gomes será o próximo presidente da Federação Portuguesa de Futebol. E pelo seu trabalho à frente da Liga julgo que a sua eleição, para além de natural, será boa para o futebol português. Por outro lado, não acredito… Read More

Luisão confirmou manchete de Record

Quando Record deu conta de mais um “amuo” de Luisão, logo choveram na edição online as críticas e os impropérios da ordem, com o mesmo argumento de sempre: “perseguição” ao Benfica. Não me espanta porque é o guião já visto muitas vezes: o boletim oficial omite e Record, que… Read More