Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

Hoje é Sábado: Ídolos com pés de barro

Quando iniciei o meu percurso jornalístico, a imprensa portuguesa apostava bastante na crítica: de cinema, teatro, música, dança, literatura e televisão, especialmente de televisão, um fenómeno emergente. Ainda por cima, só havia RTP e alguns programas medíocres, de vesgo cariz político e monopartidário, de maneira que a malta… Read More