Pobres famosos, coitada da fama!

Quando trabalhei, no tempo dos pioneiros, na imprensa cor de rosa, deparei-me com um problema incontornável: não tínhamos “jet set”, apenas pessoas mais ou menos conhecidas através da televisão. E até essas eram poucas, o que nos obrigava a percorrer a via sacra das sempre as mesmas. De há uns bons anos a esta parte que as estações de TV, para iludirem a questão, formam o seu próprio lóbi de famosos da treta com nomes da casa: atores de novelas, jornalistas saídos da casca, um ou outro comentador e alguns... Leia o resto →

“Há tarde”: há tardes de pesadelo

A RTP perdeu o “glamour” do passado nos programas de tudo e de coisa nenhuma que preenchem as tardes e as manhãs na TV. Desde que Sónia Araújo e Jorge Gabriel deixaram o “Praça da alegria” e este se foi, que o nível do conceito veio por aí abaixo. A última manifestação da pobre realidade é o “Há tarde”, um produto híbrido e sensaborão onde cabe o que for, e que é dominado por um tédio insuportável. Convidados às pazadas proporcionam conversas desinteressantes, as reportagens são básicas, a plateia não... Leia o resto →

 
Back to top