Elevador da Glória (25)

SOBEM Maria de Lurdes RodriguesA subida de Portugal ao 21.º lugar da lista de 33 países da OCDE, após os testes de Leitura, Matemática e Ciências a que se submeteram os nossos alunos, sendo mérito principal das escolas, ratifica igualmente as decisões de uma ministra incompreendida pelo estilo e pela defesa intransigente doas políticas em que acreditava. Algumas, pelo que se vê, estavam certas. Isabel AlçadaA ministra da Educação avançou finalmente com a aplicação nas escolas, no próximo ano letivo, do Acordo Ortográfico. A indecisão na entrada em vigor da... Leia o resto →

Elevador da Glória (24)

SOBEM Carvalho da SilvaComo já tinha acontecido há 22 anos, foi o rosto de uma greve mais parcial do que geral, mas que constituiu um sério aviso aos responsáveis pelos desmandos de décadas de governação. Adotou um discurso sereno e surpreendentemente moderado, em que a noção da responsabilidade superou o inevitável irrealismo de algumas reivindicações. João ProençaPor uns dias, disfarçou a sua condição de “outsider” no movimento sindical e viveu momentos de glória ao lado de Carvalho da Silva. A dúvida estará agora na sua capacidade para manter o grau... Leia o resto →

Elevador da Glória (23)

SOBEM José SócratesQuando o céu parece desabar-lhe sobre a cabeça, eis que algo acontece para fazer dele outra vez o herói da fita. A cimeira da NATO e o seu protagonismo ao lado de grandes figuras da política mundial, junto das quais indiscutivelmente sabe “estar”, dão-lhe mais sete fôlegos para substituir os sete que já perdeu. Mesmo com a crise às costas, ele resiste… António CostaA recusa da tolerância de ponto para os funcionários da sua câmara, bem vista pela opinião pública, junta-se às críticas abertas aos que equacionam já... Leia o resto →

Elevador da Glória (22)

SOBEM Medina CarreiraDeixaram de se ouvir os trovões de críticas que se abatiam sobre o economista e ex-ministro das Finanças, acusado de andar a pregar a inevitabilidade do caos na economia. Meses depois – ou anos? – tudo se desenrola de acordo com o que profetizou, havendo ainda uma lâmina na guilhotina: é que ele garante que tudo o que se vai fazer agora será… insuficiente. Nuno CardosoApareceu perdida nas páginas interiores dos jornais, nalguns casos em discretíssimas “breves”, a notícia de que o Tribunal do Bolhão absolveu o ex-presidente... Leia o resto →

Elevador da Glória (21)

SOBEM Manuela Ferreira LeiteNo meio da gritaria do debate do OE 2011, a ex-“dama de ferro” subiu à tribuna para dar uma lição aos meninos. Foi bom, entre tantos disparates, ouvir a voz do pragmatismo e do bom senso explicar que os “mercados” não são entidades distantes e abstratas, e que estavam mesmo ali, em S. Bento, a tentar perceber onde vão meter o dinheirinho deles. Francisco LouçãCorre bem a vida ao líder do Bloco, a quem basta assumir o papel de cidadão descontente, mesmo “revoltado”, para que o seu... Leia o resto →

Elevador da Glória (20)

SOBE Cavaco SilvaOs partidos do “arco da governação”, pressionados por todos os lados e sem margem para recuos, acabaram por viabilizar o OE 2011, pelo que o PR surge ao país como o grande artífice da harmonia e guardião do templo do interesse nacional. O Conselho de Estado, ontem reunido, apenas retocou o cenário. O homem do leme parece indestrutível. DESCEM Eduardo CatrogaA sua credibilidade não saiu abalada pela rutura momentânea das negociações sobre o OE, mas o discurso explicativo de meia hora foi não só penoso como confirmou que o... Leia o resto →

Elevador da Glória (19)

SOBE Eduardo CatrogaSaltou do armário onde a República fecha, como imprestáveis, alguns dos seus grandes ministros das Finanças, como Medina Carreira, Ernâni Lopes ou Miguel Cadilhe, para liderar o grupo de trabalho do PSD que se propõe “remendar” as medidas de austeridade do Governo para 2011. Veremos se o seu mérito e patriotismo voltarão, ou não, a poder servir o País. DESCEM Jorge LacãoDuvida-se que mesmo no dia em que o PS passe à oposição Portugal fique livre de uma vez deste político truculento e inconveniente que sempre chama a... Leia o resto →

Elevador da glória (18)

SOBEM Luís AmadoNuma altura em que Portugal parece o mais desgraçado dos países e o português o mais infeliz dos povos, eis que a nossa diplomacia, conduzida pelo que é talvez o mais sereno, o mais discreto e o mais competente dos atuais ministros coloca o país no Conselho de Segurança das Nações Unidas. Queira-se ou não, é um êxito notável. Pedro Passos CoelhoTudo lhe corre de feição, desde a imagem “nova” ao silêncio dos barões do seu partido, passando pelo desgaste brutal a que o Governo está sujeito pela... Leia o resto →

Elevador da Glória (17)

A SUBIR José Gomes FerreiraO editor da SIC produz, na sua estação, os mais desassombrados e isentos comentários sobre a real situação financeira do país. Sem golpes baixos, mas também sem contemplações. E o mais importante: sem medo. Fernando UlrichOutra voz “maldita” que nos vai alertando para os riscos que corremos e que espalha assim a inquietação entre banqueiros e políticos – por causa dos “mercados”. Esperemos que o tempo não lhe dê razão. A DESCER Belmiro de AzevedoCom muitos empresários como ele, Portugal seria um país melhor. Mas exagera... Leia o resto →

Elevador da Glória (16)

A SUBIR D. Januário Torgal FerreiraProduziu os que terão sido os mais lúcidos comentários sobre a visita do Papa e apontou as suas maiores preocupações sociais à “multidão de escorraçados” que a cada dia aumenta de forma assustadora. Notável figura. Jorge JesusChegou, enfim, o momento da consagração de um treinador com um discurso emperrado e um Português enviezado, mas que é um verdadeiro mestre na sua arte, graças a um simples “pormenor”: sabe muito de futebol. Paulo PortasFicou de fora das últimas medidas de austeridade impostas aos portugueses e vai... Leia o resto →

« Entradas mais antigas

 
Back to top