Conseguirá Teresa Guilherme voltar a ter êxito no “Big Brother”?

No retorno de Jorge Jesus ao Benfica há uma dúvida que inevitavelmente se coloca: terá outra vez êxito num lugar onde já foi feliz? A mesma interrogação se poderá pôr pelo regresso de Teresa Guilherme ao “Big Brother”. O preconceito com a idade em TV é perdedor entre nós – como o provam as longas carreiras de Júlia Pinheiro, Maya ou Fátima Lopes – ao contrário da regra seguida noutros países, que mantêm profissionais com mais de 50 anos na informação mas os retiram do entretenimento, substituindo-os por rostos mais... Leia o resto →

E se o Big Brother lhes desse comida saudável?

A expulsão de Pedro Soá deu forte empurrão ao “Big Brother”, que no domingo ficou à frente de “Quem quer namorar com o agricultor?”, a pessegada da SIC que continua a ganhar nas somas dos duelos diários. Já aqui referi a melhor qualidade dos concorrentes do “reality show” da TVI em relação a edições anteriores, um fator redutor de audiências, pois alguma labreguice e algum desvario arrastam, como sabemos, espectadores menos dados a conversas e mais recetivos a cenas canalhas. Mas uma vez que a estação de Queluz optou por... Leia o resto →

Cláudio Ramos: o falso culpado

Aproveitando as repetições sem fim à vista de “O preço certo”, SIC e TVI travam um duro combate no ante “prime time”, com vantagem – menor nos últimos dias – para a estação de Paço de Arcos. À noite, a vitória dos campónios armados em lavradores é ainda mais ligeira, quando não perdem, mesmo, para os desempregados em confinamento. Já o serão de domingo parece imune a surpresas: Cláudio Ramos, na condução do “jogo” de coisa nenhuma, afunda-se perante o cheiro a terra dos parolos – e das candidatas à... Leia o resto →

Lançar o “Big Brother” foi uma opção de risco

Fiquei com uma ligação particular ao “Big Brother” quando, há 20 anos, ganhei a aposta que fez renascer o já moribundo diário “24horas”, ao enviar para Barrancos, à procura da família do Zé Maria – e perante o cenho franzido do diretor – a repórter Filomena Araújo. A imediata subida de 50% das vendas salvou então o jornal. Vi, por isso, com apreensão a decisão de se lançar, nas atuais circunstâncias, a versão “Zoom” do “reality show” que mudou a televisão – e a minha própria vida. É que o... Leia o resto →

 
Back to top