Árbitros e lamúrias, o filme interminável

Com Sporting e FC Porto a atribuírem às arbitragens as culpas pelos resultados negativos, no Benfica percebeu-se não ser conveniente ficar a ouvir o chilrear dos passarinhos. E o inacreditável prejuízo sofrido pelos encarnados no jogo contra o Boavista, seguido das duas derrotas consecutivas, lançaram na Luz o pânico que leva Vieira e companhia a reunir-se esta semana com o Conselho de Arbitragem, que ainda há pouco recebeu os portistas e que a seguir ouvirá as queixas de quem mais lhe bater à porta. Trata-se de um diálogo inútil, já... Leia o resto →

Perguntem ao Coroado

Sporting e FC Porto, cada vez mais afastados do líder Benfica – são já 8 e 6 pontos, respetivamente –, assestaram em definitivo as baterias nos erros de arbitragem, tão velhos quanto o próprio futebol. E é justo reconhecer-lhes o direito à revolta, pelo muito que têm sido prejudicados por árbitros canhestros, destacados para dirigir desafios para os quais não dispõem de capacidade técnica, autoridade ou sequer bom senso. Trata-se de uma situação que resulta de anos de escolha dos piores caminhos para a preparação e seleção dos juízes de... Leia o resto →

O homem-alho

Vítor Pereira é um homem de bem, quanto a isso não restam dúvidas. Foi também um excelente árbitro e errou como todos os outros – é igualmente inquestionável. Como presidente da Comisão de Arbitragem é que a sua figura já não é consensual e por culpa do próprio. Como presidente da Comissão de Arbitragem é que a sua figura já não é consensual e por culpa do próprio. A tarefa é delicada, é certo, e quem estivesse no seu lugar ouviria sempre das boas, é verdade. O problema é que Vítor Pereira... Leia o resto →

 
Back to top