Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

Só paixão não chega

Há dias, um leitor (que não identificarei) apresentou-se, com um e-mail. Respigo a seguinte frase:

O meu grande Hobbie é ver futebol, o qual eu sou completamente viciado.

Depois, juntou um texto de sua autoria, para apreciação. Retiro esta passagem:

ninguém acredita nos seus “primeiros” paços que
irão colmatar a ausência de opções… 

É muito bom gostar de futebol e ter pretensões a passar da paixão à escrita. Mas um pouco de noção da realidade faz sempre falta.