Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

re: Resposta a um portista indignado com o Record

Caro Jaime S. Mota, essa do “pidesco” é ofensiva… Vivi no tempo da Pide e da Censura e lamento que faça comparações com o que não é comparável.

E também não é “perigoso” porque, volto a sublinhar, o Record não é um serviço público e tem, por isso, o direito de optar pelo critério (ou falta dele) que entender. Cumprimentos.