Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

re: PC e LFV: dois intocáveis

Caro Director,

Depois de ter já comentado acima, tive depois a oportunidade de ler a edição em papel do Record de hoje e quero dar os parabéns pelo excelente trabalho, análise e dissecação feitos sobre as entrevistas de ontem.

Muito bom mesmo o trabalho da equipa Record.

Só um senão. Uma pequena falha. Pôr um benfiquista assumido (DB) a dar nota 14 a LFV e pôr um anti-portista assumido (JG) a dar nota 11 a PC… Não foi correcto!

Claro que eles iriam julgar segundo as suas idiossincracias.

Tirando isso, seria nota 20 !