Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

re: Os rios só correm para o mar (editorial de Record)

Sr Alexandre Pais,

Eu não deixarei de ler o Record ou de vir aqui ao site mesmo julgando, até prova concreta em contrário, que a credibilidade do jornal ficou afectada. Leio o Record pelos artigos de opinião, crónicas de jogos, ou alguma entrevista ou artigo de fundo que me interesse, não pelas notícias (que aparecem na internet rapidamente). Agora, se amanhã o Record noticiar em primeira mão na primeira página que, digamos, e no meu caso sonhando, Luiz Filipe Scolari será o novo treinador do Sporting, não espere que eu vá acreditar em vocês!