re: O que interessa é eliminar o Everton

Não ignorámos o dr. Paulo Cristóvão, como diz, mas fomos, isso sim, postos de parte pela respetiva candidatura. Depois, claro, deixámos de andar atrás dele.

Discordo também que tenhamos sido “usados” como meio de propaganda, já que então o contrário também seria verdade, pois são as vitórias, e os vitoriosos, que fazem vender os jornais.

Quanto ao Benfica, devo lembrá-lo que o Record tem uma redação de 80 jornallistas, pelo que a verdade oficial não existe. O que chama “propaganda” são apenas os triunfos e a dinâmica que eles criam. Voltará a acontecer isso com o Sporting!

Partilhar

Os comentários estão fechados.