Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

re: http://twitter.com/AlexandrePais (38)

Obrigado pelo seu comentário, Alexandre.

Deu-me ainda mais uma razão para continuar a ler o Record assiduamente: o respeito pelos leitores confirma mais uma vez a seriedade e dedicação com que dirige o jornal.

E no que diz respeito ao jogo Chelsea – Inter, tinha razão,  nenhum dos jogadores portugueses do clube londrino acabou por jogar.

Cumprimentos,

Hélder