re: A depressão nacional viajará com a Seleção?

Au contraire… caro Senhor Director. Estou sempre em sintonia consigo e sou até seu admirador confesso. Poucas vezes estou em desacordo. Agora o que sei, é que apesar de ser o Director, há aí mais gente a mandar, a dirigir, a editar, a cortar.

Agora, sim, é verdade, se tiver que o criticar, critico, se tiver que o cumprimentar, tiro-lhe o chapéu. Não sou daqueles que lhe sorrio pela frente e lhe espeto a faca por trás.

Tal como Churchil dizia da democracia… eu também digo do Record…. tem muitos defeitos, tem, mas não se conhece melhor!

E sobre a questão do vencimento dos deputados, o que eu queria dizer (expressei-me talvez mal) é que olhando para a tarefa que (em teoria) desempenham deveriam ganhar muito mais…. olhando para o que eles – na prática – fazem – são bem pagos!

Voltando ao tema.

Mantenho que a ‘depressão nacional’ que já nos acompanha desde o tempo (pelo menos) do Eça de Queiroz e Antero de Quental… nada tem a ver com um grupo de atletas que jogam nas melhores equipas europeias…  e que têm a legitima ambição de pensarem que é possível ir longe, desde claro que ganhem o 1º jogo.

P.S. – Da critica, da discussão nasce a luz 🙂 e como bem deve saber, melhor que eu, são mais perigosos e hipócritas os que dizem sempre amen…

Já dizia Confúcio: afasta-te, não discutas no momento com um homem irado. Foge para sempre de um hipócrita….

E, aí nessa sua Lisboa rabina, traquina, ladina, marialva há muito hipócrita. And you know that better than I !

Partilhar

Os comentários estão fechados.