Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

Mil dias no topo

Decorreram 30 anos sobre o lançamento da revista “Tomorrow”. Já partiram alguns dos que a fundaram, incluindo uma amiga comum que insistiu para que se recorresse à colaboração da Maya, que fazia sucesso como taróloga, no “Público”. Desse mundo desaparecido, na comunicação social restamos os dois e poucos… Read More

Um homem é um homem, um gato é um bicho

Já está à venda o livro que o meu amigo José Paulo Fafe lançou nestes tempos de pandemia, “Um homem é um homem, um gato é um bicho”, editado pela Âncora. Trata-se de uma notável compilação de “posts” publicados pelo autor, entre 2015 e 2020, no Facebook –… Read More

O coração da sorte conquista-se

Como acontece em muitos jogos, o duelo entre FC Porto e Juventus resolveu-se nos pormenores, com o fator sorte, sempre indispensável, a beneficiar os dragões. Tivesse o remate de Quadrado, que esbarrou na trave aos 90+3, entrado na baliza e feito o 3-1, e tudo seria diferente. Ou… Read More

Uma jornada que correu mal

Com menos um jogador durante quase toda a partida, era quase impossível ao Boavista marcar o golo que me devolveria a liderança. Logo a seguir, o líder do TotoRecord acerta em cheio no resultado de Tondela. Se estava mal, pior ficou… E ficou assim: CBCruz 103 pontos, LSantana… Read More

“All Together Now”: outro fracasso da TVI

A montanha voltou a parir um rato. Anunciado como “o maior espetáculo de talentos do Mundo” – pobre “Got Talent”! –, com “os melhores entre os melhores” e capaz de realizar “todos os sonhos”, “All Together Now”, da TVI, permitiu à SIC ganhar nas audiências e alcançar até… Read More

Palpitações em Record Mais de 7mar21 – edição 59

Palpitações, rubrica da edição de domingo do Record de 7 de março de 2021. Edição 59 assinada pelo escriba Nota: Quim Machado não é o treinador do Vilafranquense, como escrevi abaixo. Foi substituído por João Tralhão, que entretanto também saiu. Aos leitores, as minhas desculpas pelo erro. É… Read More

Carlos Carvalhal já tem a carta de alforria

A vitória no Dragão e a qualificação do Sp. Braga para a final da Taça de Portugal, bem como o segundo lugar no campeonato, constituem a carta de alforria que faltava a Carlos Carvalhal, um técnico competente que ia conhecendo alguns êxitos e um homem simpático que não… Read More