O jornal do exílio de Artur Agostinho, lenda de Record e do desporto português

Depois de injustamente perseguido no PREC, Artur Agostinho ficou impossibilitado de trabalhar em Portugal e auto-exilou-se no Rio de Janeiro, Brasil. Aí trabalhou em vários meios de comunicação, tendo dirigido, em 1977, o semanário “Portugal Esportivo”, de que vos apresento uma primeira página… Na foto principal, o grande Manuel Fernandes remata à baliza do Varzim.

O redator-chefe era Fialho de Oliveira e na ficha técnica figuravam ainda nomes como Alfredo Farinha, António Horta e Costa, G. Brás Medeiros, Manuel Figueira, Rui Romano, Álvaro Braga Júnior ou Nuno Ferrari. Tudo a colaborar do lado de cá do Atlântico, obviamente. O preço de capa era de 7 cruzeiros…

Partilhar

Os comentários estão fechados.