Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

Escreve um leitor que não entende porque demos duas vantagens aos irlandeses

De:
Portugalio [mailto:info@portugalio.com]
Enviada: quarta-feira, 17 de Outubro de
2012 9:45
Para: Record 
Assunto: Contacto de
Carlos

Caro/a Jornal Record

Um visitante do Portugalio.com enviou-lhe a mensagem
abaixo, através da sua página

Nome
Carlos

Email
csd1953@sapo.pt

Mensagem
Exmos
Senhores

Sendo igualmente treinador de futebol sei e compreendo que cada
um de nós tem uma opinião diferente sobre a constituição e modelo de jogo a
apresentar pela equipa portuguesa.
Tenho no entanto a certeza que todos nós
concordaremos no que diz respeito a utilizar todas as vantagens e possibilidades
que possam haver a nosso favor, mais ainda quando as decisões são tomadas por
nós.
Todos aceitaremos que a equipa da Irlanda é composta por elementos mais
dotados fisicamente, que pela sua menor qualidade praticam um jogo de menor
habilidade, mais correria e maior velocidade e que pela sua localização
geografica em termos de temperaturas anuais estão muito mais habituados a climas
mais agressivos.
Não entendo porquê demos ao nosso adversário duas vantagens
imediatas:
1) passar o jogo quase consecutivamente a despejar bolas para a
altura dos defesas Irlandeses
2) marcar o jogo para um estadio do norte onde
seria previsivel que as condições climatéricas (como se viu) teriam muito mais
possibilidades de nos serem desfavoraveis.
Creio que todos estaremos de
acordo que mais importante do que agradar a certas pessoas é trazer resultados
para o nosso país que é muito mais importante.
Francamente assim não valem as
desculpas de os nossos melhores não estarem em forma.
Porque não
olhamos uma vez mais para o nosso lado e observamos a inteligência da
Espanha?
Ainda acredito
Um abraço