Elevador da Glória (9)

A SUBIR

Pedro Passos Coelho
No debate com Paulo Rangel entrou como aluno e saiu como professor. Levou o confronto a sério, adiantou meia-dúzia de propostas e recorreu até a pequenos truques adequados à circunstância. Ganhou vantagem, sem dúvida.

Alberto João Jardim
Aquele que é, com Mário Soares, o “animal político” mais resistente do país, foi o primeiro a perceber que só Marcelo poderá unir o PSD e derrotar Sócrates. E pede aos três candidatos para… desistirem. Lucidez não lhe falta.

Marcelo Rebelo de Sousa
Desde os tempos de Cavaco Silva nunca mais terá havido um nome tão consensual no PSD como é hoje, muito mais do que ontem, o do professor. Se quiser sentar os barões do partido e ser primeiro-ministro, esta é a hora.

José Sócrates
Com Jardim a elogiá-lo, Zeinal Bava a dizer que ele desconhecia a tentativa de compra da TVI e a Comissão de Ética a apanhar a chuva com uma peneira, Sócrates prepara-se para brincar, a seguir, às comissões de inquérito.

A DESCER

Paulo Rangel
É o derrotado da semana. Depois de tanta expectativa gerada pela sua capacidade para a luta política, os debates com os adversários à liderança do PSD saldaram-se por uma completa desilusão. Não se preparou e perdeu.

Elevador da Glória, publicado na edição impressa de Record de 6 Março 2010

Partilhar

Os comentários estão fechados.