Elevador da Glória (13)

A SUBIR

Pedro Passos Coelho
Mesmo que muitos sorrisos sejam amarelos e algumas palmadas nas costas escondam a traição inevitável, o novo líder do PSD começou bem, agregando forças em vez de as dispersar. Falta saber como será quanto a ideias.

Francisco Louçã
Viu o Governo acolher uma das maiores reivindicações do Bloco de Esquerda: a taxa sobre as mais-valias bolsistas, que o PS prometera mas tardava em aplicar. Quando a fome aperta, resta sempre a despensa “durricos”.

Manoel de Oliveira
Prepara-se para arrancar mais um premiozinho, desta vez no Festival de Cannes, com o filme “O estranho caso de Angélica”. A caminho dos 102 anos (!), De Oliveira reforça a sua própria tese: Deus esqueceu-se mesmo dele.

A DESCER

Teixeira dos Santos
Anda para aí a pregar a moralização nas empresas públicas, mas ninguém liga ao que ele diz. É bem feito. Devia preocupar-se antes com a criação de riqueza e com a sua justa distribuição em vez de brilhar à custa da inveja social.

Elevador da Glória, publicado na edição impressa de Record de 17 abril 2010

Partilhar

Os comentários estão fechados.