Dossier has been – O Festival da Canção de 1974

É dia de Festival da Canção. Tempo para recordar a que terá sido a nossa mais famosa representação no Eurofestival, a que esteve em Brighton, Inglaterra, no início de Abril de 1974, já lá vão 36 anos. Ganharam os Abba, aproveito para lembrar. Aliás, estive lá, vivi essa noite inesquecível integrado em duas (!) equipas de reportagem: a do “Diário de Lisboa”, que trabalhava também para o semanário “Sempre Fixe”, com o repórter-fotográfico José Tavares (que já não está entre nós), e a da revista “Alcance”, com a Helena Isabel e o jornalista Sena Santos.

Paulo de Carvalho, com “E Depois do Adeus”, que viria a ser senha do 25 de Abril, daí a poucas semanas, tinha acabado de ganhar o festival caseiro, que se realizou no Teatro Maria Matos, e a foto da vitória fez a capa da revista “Gente” de 12 de Março de 1974.

Na foto, podemos ver a partir da esquerda: com uma flor vermelha, Teresa Sachetti, filha de Rosa Lobato Faria (recentemente falecida) e namorada de Paulo de Carvalho, que está sentado, à bateria, José Niza (autor da letra e que seria mais tarde deputado), em segundo plano, José Carlos Ary dos Santos, Tonicha, o maestro José Calvário (o autor da música e que também nos deixou há pouco tempo) e a sua namorada de então, Paula Mateus, atual diretora da edição portuguesa da “Vogue”. À direita, de costas, outro maestro: Pedro Osório. 

Nesta altura, claro, já eu andava na luta, e numa linda figura, de barba e laço. Filipe de Brito e Fernando Tordo também se apresentavam à maneira da época…

Partilhar

Os comentários estão fechados.