Colunista do "Record" e do "Correio da Manhã", anarco-individualista e adepto do Belenenses e do Real Madrid, Alexandre Pais foi diretor do "24horas", de 2001 a 2003, e do "Record", de 2003 a 2013, tendo iniciado o seu percurso jornalístico no "Mundo Desportivo", em 1964.

Cristiano Ronaldo não é de ferro

Isolou-se no jogo contra o Atlético de Bilbau, em maio, e sozinho em frente do guarda-redes não foi capaz de marcar.

Repetiu o insucesso frente ao guardião do Maiorca, uns dias depois, e a seguir, na Luz, não conseguiu vencer o seu duelo solitário com o n.º 1 turco. 

Ontem, Cristiano voltou a isolar-se por duas vezes e em ambas não levou a melhor sobre o “keeper” dinamarquês, arriscando com isso a Seleção a própria sobrevivência no Europeu.

Está a acontecer-lhe, nas últimas semanas, o mesmo que lhe temos visto com os penáltis, que tem também falhado quando antes eram favas contadas.

O problema é que Cristiano Ronaldo leva 75 (!) jogos disputados e quase nunca foi substituído. A cabeça quer, mas as pernas não lhe dão a capacidade de finalização.

O Homem de Ferro não existe.

Euro passe, publicado na edição impressa de Record de 14 junho 2012

Isolou-se no jogo contra o Atlético de Bilbau, em maio, e sozinho em frente do guarda-redes não conseguiu marcar. Repetiu o insucesso frente ao guardião do Maiorca, e depois, na Luz, não conseguiu desfeitear o “keaper” turco. 
Ontem, Cristiano voltou a isolar-se por duas vezes e em ambas não levou a melhor sobre o n.º 1 dinamarquês, arriscando com isso a Seleção a própria sobrevivência no Europeu. Está a acontecer-lhe, nas últimas semanas, o mesmo que lhe temos visto com os penáltis, que tem também falhado quando antes eram favas contadas.
Oproblema é que Cristiano Ronaldo leva 75 jogos disputados e quase nunca foi substituído. A cabeça quer, mas as pernas não lhe dão a capacidade de finalização. O Homem de Ferro não existe.