Arquitetos ou amigos das primas?

Passaram as eleições, já dá para protestar. Em baixo, uma foto, minha, mostra como nas recentes obras do Saldanha, em Lisboa, alguém optou por não subir o lancil, nem colocar pilaretes, no passeio central da Avenida Praia da Vitória, o que fez com que os carros dos selvagens destruíssem as plantas e o sistema de rega.

Na segunda foto, de Olga Borges, vemos como na Praça Prof. Santos Andreia, em Benfica, também na capital, o arranjo urbanístico não contou com a circulação de autocarros.

Em ambos os casos, o trabalho desqualificado atirou dinheiro para o lixo porque vai ser preciso refazer o que já estava feito. Será que a Câmara de Lisboa não tem engenheiros nem arquitetos profissionais e é tudo feito ao nível de amigos das primas?

Observador, Sábado, 19OUT17

Partilhar

Os comentários estão fechados.