A lição do professor Marcelo

O duelo de audiências de domingo aqueceu, com o regresso de “A tua cara não me é estranha” – agora na especulativa versão “kids” – da TVI, a enfrentar a final de “Factor X”, da SIC. Cem mil telespetadores separaram as duas “galas”, tendo o programa de Cristina e Goucha batido a concorrência direta ao alcançar 1 milhão e meio.

Batido mas só em termos relativos, já que a maior audiência do dia, 1,6 milhões de espetadores, foi para o “Jornal das 8”, da estação de Queluz, muito por efeito dos comentários de Marcelo Rebelo de Sousa. O professor dá, por sua vez, um “banho” aos opinadores políticos concorrentes graças a um poder de comunicação extraordinário, é certo, mas também porque foi capaz, ao longo de tantos anos, de respeitar a verdade e de ganhar, com isso, empatia e credibilidade.

Numa altura em que a política está pelas ruas da amargura e a confiança agoniza, o facto de um comentador com filiação partidária reconhecida reunir, contra o espetáculo fácil, a preferência de quem vê televisão, é uma bênção dos deuses. E se precisamos dela!

Antena paranoica, Correio da Manhã, 15FEV14

Partilhar

Os comentários estão fechados.