Um ministro com visão de aldeia

Novembro e as três primeiras semanas deste mês confirmaram o que se sabia: não falta água em Portugal. Dramático é que faltem outras coisas, como prevenção de cheias, pequenas barragens concelhias e, em especial, uma visão estratégia de médio e longo prazo para o problema da água. O ministro da desgraça tem um único discurso: poupar no consumo até que os canos sequem. As imagens dos últimos dias são claras quanto à incapacidade para encontrar uma solução, que cubra até à inexistência de manutenção dos diques. Dos diques e do... Leia o resto →

O exemplo dos “patinhos feios” do Sporting

Domingo de felicidade para os frustrados que sofrem com o sucesso dos portugueses. Ao perder com o Chelsea, José Mourinho desperdiçou uma boa oportunidade de levar o Tottenham a alcançar os “blues” e a zona Champions da Premier. E Cristiano Ronaldo ficou sem o que seria o terceiro título em Itália, pois a Juventus – que joga poucochinho e tem menor rendimento hoje do que no tempo de Allegri – baqueou (outra vez) perante a Lazio. Já o sábado nos havia trazido o desgosto da derrota do Flamengo e de... Leia o resto →

A fantasia do número de leitores

Passei 15 anos da minha vida “martirizado” com uma fantasia (chamemos-lhe assim) chamada Bareme. Hoje, olho para o fenómeno apenas com vontade de me rir. O último “estudo” diz-nos que o “Correio da Manhã”, que vende mais do dobro do “JN”, tem 916 mil leitores diários e o diário regional… 823 mil! Que “A Bola”, que vende menos que o “Record”, tem afinal mais leitores. Que “O Jogo”, a vender 8 ou 9 mil exemplares, tem 483 mil leitores, mais do que… o “Expresso”! Que a “Visão”, que vende menos... Leia o resto →

Cristina não acabará com nada

Talvez empolgada pela “Forbes”, que a colocou na sétima posição na lista das portuguesas mais poderosas a nível empresarial – algo dificilmente entendível mas que é o que é – Cristina Ferreira reagiu com ameaças do tipo “temos de acabar com isto” a uma notícia do site flash.pt que a irritou. Cristina não acabará com o que seja – os limites da comunicação social são o interesse do leitor, a lei e nada mais. Até porque como qualquer título que escrutina o planeta cor de rosa, a “flash!” tanto divulga... Leia o resto →

A justiça que incentiva a violência

Em Espanha, três jovens futebolistas levaram para a casa que repartiam uma menor e violaram-na. Alegaram o consentimento da rapariga mas ela não tinha idade para o dar e tratou-se, portanto, de uma violação, de um crime. Os juízes condenaram-nos a 35 anos de prisão. Em Portugal, um homem assassina uma mulher com quem acabara de ter relações sexuais, sem aparente violência física, segundo a autópsia, queima o corpo e finge, na manhã seguinte, andar à procura da “namorada – que tinha dois filhos de tenra idade. Descoberto, é preso... Leia o resto →

O “soco” de Sérgio Conceição não passou de um equívoco

A última polémica que envolve o futebol português é mais um desgraçado exemplo do nível paupérrimo de que se reveste tudo o que não tenha a ver com a excelência dos artistas. O tenebroso caso do Jamor está convenientemente assombrado pelas dúvidas: agrediu Sérgio Conceição o colega de profissão Pedro Ribeiro? Terá sido outro o agressor e o agredido fez confusão? Ou será Ribeiro um louco à solta que procura protagonismo? Vou mais pela hipótese da agressão consumada, por dois sinais que parecem evidências. O primeiro é o facto de... Leia o resto →

Na TVI já só dá Benfica

Só com o Benfica é que a TVI lá vai, ou seja, consegue ter o programa mais visto – sem, mesmo assim, ganhar no “share” do dia – como aconteceu na quarta-feira, com o “direto” do jogo frente ao Zenith. É verdade, já nem Ljubomir Stanisic é pesadelo que bata a SIC, que liderou o “top” de domingo último com o “Jornal da noite” e o recauchutado – para parolos, que aquilo é tudo treta – “Casados à primeira vista”. Este alcançou um número maior de espectadores que o segundo... Leia o resto →

Uma líder que corre riscos… e ganha!

Andreia Vale a arriscar… e a ganhar! Tendo acertado no resultado do Benfica-Famalicão, a pivô da CMTV ampliou de 7 para 9 pontos o seu avanço sobre o segundo classificado no TotoRecord. Fica assim: AVale 55 pontos, NE 64, LS 68, PAS 69, LJ 70, CBC 76, BP 83, ED 84, AP, CR e PF 90, ZMF 93, RM 94, RS 95, RC 96, AV 97 pontos.

« Entradas mais antigas

 
Back to top