Andreia Vale voltou à liderança

Só a dupla da frente foi capaz de prever o empate do FC Porto no Funchal e, completada a jornada, Andreia Vale recuperou a liderança. Lá para baixo, respiro um pouco, apanhei o AVeríssimo e já tenho quatro atrás de mim. A classificação fica assim: AVale 35 pontos, LJeremias 37, NEncarnação 42, EDâmaso 48, LSantana 51, PASilva 52, BPrata e CBCruz 53, CRodrigues e RCalafate 57, AVeríssimo e APais 62, RSantos, PFutre e RMalheiro 66, e ZMFreitas 68.

A guerra que o dr. Varandas não pode ganhar

Cada vitória de Jorge Silas, e em quatro dias houve duas, o que é notável nas presentes circunstâncias, faz com que o foco da contestação se afaste do presidente do Sporting, que no confronto com as claques se meteu num conflito só com perdedores. Mas o problema é que o inferno se instalou em Alvalade e o diabo voltará sempre. Tendo convivido tanto tempo com a equipa, o dr. Varandas sabe bem que, como as “mulheres honestas”, os agentes desportivos não têm ou não devem ter ouvidos, sob pena não... Leia o resto →

Elas é que sabem disto!

Só um acertador, RSantos no 0-1 do Benfica, mas o primeiro lugar e o segundo pertencem às mulheres do painel: LJeremias com 32 pontos e AVale com 34. NEncarnação passa a terceiro, com 35 pontos.

Milionários ou pobretanas?

Com saloia excitação, a comunicação social divulgou há dias um relatório do banco de investimento Credit Suisse, que prevê que o número de milionários portugueses – que serão 117 mil (!) – aumente 49% nos próximos cinco anos. Comecemos pela centenária definição de milionário, que classificava aqueles cujos bens eram superiores a 1 milhão de dólares. Com o tempo e a inflação, a cotação do termo subiu e aplicou-se aos detentores do mesmo valor, mas em aplicações financeiras. Hoje, o conceito de milionário é mais reputacional e distingue os que... Leia o resto →

Só o caminho das pedras pode salvar o Sporting

Nem que seja preciso percorrer “o caminho das pedras” – é o conselho sábio do antigo presidente do Sporting, José Roquete. O apelo à paciência, ou à falta dela, dos adeptos leoninos, por parte de um dos nomes históricos do clube – que sublinha ainda ser a turbulência “a pior coisa” que pode acontecer em Alvalade – cairá, desgraçadamente, em saco roto. Porque a recuperação da instituição só conseguiria fazer-se com uma liderança forte e esta não existirá sem os resultados positivos da principal equipa de futebol. Resultados esses difíceis... Leia o resto →

E o golpe de asa?

A seguir à novela “Nazaré” e a “Golpe de sorte”, a meia hora do “Casados à primeira vista – extra” fecha um triângulo de ouro com um “share” superior ao da estação. Só o “Programa da Cristina”, o “Primeiro jornal” e o “Jornal da noite” conseguem também contribuir positivamente para os 20,5% da média do dia da SIC – como o da última quarta-feira, por exemplo. Faltaram a esse contributo os 15 minutos do diário do “Casados II”, colado ao “Prémio de sonho especial” numa frente comum que “O preço... Leia o resto →

« Entradas mais antigas

 
Back to top