O vazio que levou Sousa Cintra à presidência

Com o Sporting em ebulição eleitoral e Sousa Cintra a recolher elogios pelo seu trabalho à frente da SAD, recupero hoje parte da entrevista do empresário ao jornalista Neves de Sousa (revista “Élan”, março de 1990). Cintra explica, ao pormenor, os avanços e recuos que o levaram à presidência do Sporting, em julho de 1989. Ei-lo em discurso direto e igual a si próprio. Ontem sim, hoje não. Há uns anos, um colega vosso que foi dirigente do Sporting, o Jaime Lopes, veio ter comigo para ver se eu queria... Leia o resto →

Dossier has been – Em defesa do Costa dos Frangos, que era um fabuloso guarda-redes

Irrita-me ver esta fotografia, que Record voltou a publicar na edição do último sábado. Ela fixa o momento mais aziago da história de um grande guarda-redes: Alberto da Costa Pereira (1929-1990). Como consequência deste golo, em que a bola, rematada pelo brasileiro Jair, lhe passa por baixo das pernas a caminho da baliza, o Benfica perdeu a sua quarta final europeia, frente ao Inter de Milão (1-0), que jogava em casa. De regresso a Lisboa, e para “suavizar” a ira dos adeptos, o guarda-redes encarnado deixou o aeroporto da Portela sentado numa cadeira de rodas,... Leia o resto →

 
Back to top