Nani errou mas Peseiro exagera

José Mourinho perdeu os jogadores, ou boa parte dos que contam, e parece missão impossível reverter a situação do Manchester United, que à sétima jornada da Premier está a 9 pontos dos líderes Manchester City e Liverpool. Ótimo momento o que se avizinha para aqueles inimigos de Mou cuja existência se resume a manter a esperança de o ver falhar… E quase o mesmo se passa com Leonardo Jardim, que paga, com o Monaco na zona de descida da Ligue 1, os 400 milhões de euros de lucro que a... Leia o resto →

Sem Nani, ficamos nas mãos (ou nos pés) dos “polivalentes”

O afastamento forçado de Nani é, para além de enorme infortúnio para um jogador de top que perde a “grande montra”, um rude golpe para a Seleção Nacional. Já não tínhamos Bosingwa, titular indiscutível da defesa e um dos melhores laterais do Planeta, e ficámos desta vez sem um dos grandes extremos do futebol mundial. Dois jogadores deste nível num onze significam menos 20 por cento de eficácia, o que num plantel “curto” como o português é uma desvantagem significativa. Aliás, a opção de Carlos Queiroz de chamar mais um todo-o-terreno, Ruben Amorim, em vez de um suplente... Leia o resto →

 
Back to top