Dudek elogia Mourinho: “Dá muita confiança aos jogadores mas também aos adeptos”

                                     Dudek, o guarda-redes do Real Madrid, em entrevista exclusiva à bwin.com, analisa o jogo deste fim-de-semana contra o Racing Santander e outras partidas da 27ª jornada da Liga espanhola: Barcelona–Saragoça e Atlético de Madrid-Villarreal. O Real Madrid é a equipa que mais remata à baliza, quase 20 vezes em cada jogo. “Às vezes não temos sorte nenhuma porque parece que jogamos contra um guarda-redes e 10 defesas”, comenta entre risos. “Criamos muitas ocasiões de golo e damos muito trabalho ao guarda-redes. Marcámos muitos golos nesta temporada e espero que continuemos... Leia o resto →

Cristo do golo, Cristo do banco

Anteontem, véspera de ter sido eleito o Melhor Treinador do Mundo, José Mourinho deu, no Santiago Bernabéu, mais uma prova – como se fosse preciso! – de que não é o melhor apenas em teoria, mas sim no local onde as pernas tremem, a cabeça hesita e as coisas acontecem: no banco. Duas vezes na situação de desvantagem, o Real Madrid foi para intervalo já empatado, apenas porque o talento de Ozil fez uma assistência perfeita para o primeiro tento e o génio de Cristiano – o “Cristo del gol”,... Leia o resto →

O que Artur Agostinho pensa de… José Mourinho

  Quando comecei a percorrer este país de lés-a-lés e, depois, a somar horas de voo em numerosas e variadas rotas europeias que me levavam aos lugares mais recônditos do Planeta onde se jogava futebol, hóquei em patins ou se realizavam Jogos Olímpicos, ainda não tinha nascido aquele que viria a ser o “Special One”, entre os treinadores de todo o Mundo.A verdade é que nesse tempo, à distância de muitas décadas, já existia um Mourinho que marcava presença regular nos meus relatos de futebol. Era guarda-redes de um dos... Leia o resto →

O triângulo de quatro vértices que arrasou o Real Madrid

Tinha quase por certo que o Real Madrid regressaria de Camp Nou com a primeira derrota da era Mou, mas jamais suspeitei – ao contrário de alguns jornalistas de Record, bem mais avisados… – que sairia vergado ao peso de uma goleada, o pior resultado da carreira de José Mourinho, que nunca vira uma equipa treinada por si “encaixar” mais de 3 golos numa única partida. Mas além do desnível no marcador o que mais me impressionou ontem foi a incapacidade merengue para tentar ao menos “segurar” o jogo a meio-campo,... Leia o resto →

AC Milan-Real Madrid: Pepe abriu alas a Inzaghi

O génio de José Mourinho é indissociável da sua boa estrela. Ontem, em San Siro, teve o desafio ganho, após uma hora de domínio avassalador, e teve o desafio perdido, à entrada do último quarto de hora, na sequência de uma quebra rara e só explicável porque o futebol é um jogo. O Real entrou como é seu timbre, de rompante, e quando, aos 10 minutos, o Milan fez o seu primeiro remate, já Higuaín, Cristiano Ronaldo e Pepe haviam tentado a sorte. Essa tónica manter-se-ia até ao intervalo, com... Leia o resto →

« Entradas mais antigas Posts mais recentes »

 
Back to top