Fernando Medina está perdoado

Escrevo esta crónica depois de ter demorado 60 minutos num percurso em que ainda há pouco tempo perdia 10. Tudo por causa dos estaleiros que Fernando Medina vai espalhando por Lisboa. Calculará o leitor que eu esteja a ferver com o edil da capital. E estaria – como estive até à última noite de Santo António – se não tivesse assistido à maratona televisiva da RTP com as marchas populares a descer a Avenida. Medina passou horas a dar beijos e a abraçar conhecidos e desconhecidos representantes dos bairros, fazendo-o... Leia o resto →

O espectáculo medinático das obras em Lisboa

A capital já está caótica em matéria de trânsito e ainda não se iniciaram algumas das obras previstas para estes últimos 16 meses do (meio) mandato de Fernando Medina, em particular as da Segunda Circular, esse pesadelo que muitos temem que não tenha fim. Infelizmente, muitas freguesias alfacinhas, por falta do dinheiro que parece sobrar a Medina ou por simples incompetência dão de Lisboa a imagem de uma cidade suja e descuidada, esburacada, onde é difícil circular e estacionar, e que nem para servir os turistas mostra talento. Exemplo: temos... Leia o resto →

 
Back to top