Mendes & Mendes: a firma da semana

Fiéis à cultura do ódio com que tentam esquecer as frustrações, alguns gremlins das redes sociais (outros dedicam-se mais à inveja cor de rosa) criticaram agora Jorge Mendes por ganhar milhões de euros e ter oferecido uma casa de poucos milhares a uma família vítima dos incêndios de 2017. Em vez de se focarem nos muitos milionários que não dão um cêntimo a ninguém, os imbecis internautas preferem denegrir quem é generoso e dá o que entende, e não o que eles dizem que dariam se o dinheiro fosse deles – e que seria nada.

Mas o empresário não foi o único a surpreender-nos por estes dias. Fernando Mendes surgiu no “Agora nós”, da RTP1, a dar conta do “sleeve” gástrico a que se submeteu e graças ao qual reduziu já de 120 para 96 quilos o peso que lhe ameaça a saúde. Com isso, quis o ator, numa outra forma de solidariedade igualmente elogiável, servir de exemplo a todos os obesos que não tiveram ainda coragem de dar o tiro de partida para uma nova vida. E isso resume-se a uma só palavra: acabou.

O gesto deste Mendes é tanto mais notável quanto ele sabe que uma parte – cada vez menos relevante, é certo – do seu êxito advém do facto de ser gordo. Mendes & Mendes são a firma da semana. Mais houvesse!

Antena paranoica, Correio da Manhã, 28ABRI18

Partilhar

Os comentários estão fechados.