Adeus, Teixeirinha!

Longe vai o tempo em que a TVI lançou “Apanha se puderes” e passou a liderar o horário anterior ao “prime time”, fulminando o domínio de “O preço certo”, da RTP. A queda do concurso iniciou-se ainda com Cristina Ferreira, já a caminho da SIC, e com a introdução de ideias novas no programa de Fernando Mendes.

O despertar da estação de Paço de Arcos, primeiro com “Casamento à primeira vista” e depois com “Quem quer casar com o agricultor?” cimentou-lhe a preferência antes dos telejornais, “O preço certo” manteve-se no “top 10” e “Apanha se puderes” – que chega a ter, como sucedeu na terça-feira, metade dos espectadores do “agricultor” – caiu de vez para terceiro. E pior: puxa o “share” do dia da TVI para baixo.

Os apresentadores não pegam de estaca e Rita Pereira – um fenómeno nas redes sociais e nas páginas e nos sites cor de rosa – jamais conseguirá uma ligação com o público semelhante à de Cristina Ferreira. Não é suficientemente boa na função, ponto. Por outro lado, permitiu a Pedro Teixeira o excesso de protagonismo irritante que Cristina travava com sorrisos e sabedoria. E a promoção do “Teixeirinha” a Teixeira piorou o desempenho de Rita Pereira. Mas já vai de vela – tarde de mais, acho eu.

Antena paranoica, Correio da Manhã, 11mai19

Partilhar

Os comentários estão fechados.