A tragédia dos jornais em suporte papel

A APCT divulgou hoje os dados de vendas dos principais jornais portugueses no ano de 2018. Comparando esses resultados com os das vendas médias em banca de há dez anos, a conclusão pode considerar-se trágica. Diário de Notícias – 6 099 exemplares, menos 82,1% (vendia 34 123 exemplares em 2008) Visão – 17 981, – 68,3% (56 653) Jornal de Notícias – 34 540, – 64,6% (97 610) O Jogo – 11 300, – 64,2% (31 524) Público – 13 481, – 62,7% (36 098) Sábado – 21 316, –... Leia o resto →

E o líder disparou!

Se já era mau antes do jogo da Luz, pior ficou no final, com o líder a acertar em cheio e a afastar-se provavelmente de vez – nove pontos nesta altura já são muita fruta. Eis o novo top7: BPrata 130 pontos, RSantos 139, LSantana 143, APais,  AVale e NEncarnação 148, CRodrigues 152.

Se respondermos aos livros eles passam a existir

Muitos meses atrás, fui procurado por um velho companheiro de redação que andava a escrever – mais de 40 anos depois… – um livro sobre o “25 de novembro”. Depressa me apercebi que o propósito do autor não era outro do que atirar a culpa pelo fracasso dos seus ex-correligionários – branqueando-o ao mesmo tempo – para cima daqueles que se opuseram ao golpe militar. E, no meu caso, inventando até benefícios que não tive, pois era, em 1975, antes do “golpe”, diretor de informação da rádio oficial, tendo sido... Leia o resto →

Televisão cerca António Costa

Na TVI, “Gente que não sabe estar”, de Ricardo Araújo Pereira, sublinha, como cabe a um programa de humor, as contradições, os absurdos e os erros dos poderosos. É um reforço natural para a oposição – menos alvejada pelas críticas por ser menos protagonista – e que vem juntar-se, no suplício do Governo, a “Deus e o Diabo”, de José Eduardo Moniz, na estação de Queluz, e “A procuradora”, de Manuela Moura Guedes, na SIC. São três pilares relevantes no desgaste a que se sujeita António Costa, como se não... Leia o resto →

Sporting merecia ter-se qualificado

Como se esperava, o Sporting foi eliminado da Liga Europa. Como se esperava mas não como merecia, pois até à expulsão de Jefferson – que falta de inteligência! – a situação parecia controlada e o segundo golo acabaria por surgir, apesar do desacerto pouco habitual de Bas Dost. A jogar com 1o, a missão leonina tornou-se praticamente impossível, ainda que no último minuto, se Bas Dost tivesse conseguido marcar, à boca da baliza, o 1-2 qualificasse o Sporting. Com o plantel de que dispõe, e sem Mathieu, sem Acuna, sem... Leia o resto →

Piccini: um valor que o Sporting deitou fora

A calamitosa gestão de ativos do Sporting, que atingiu o auge com os desvarios provocados pelo comportamento errático de Bruno de Carvalho e cujas sequelas não param, até os bons jogadores vulgarizou. Foi o caso de Piccini – 40 jogos pelo leão em 2017-18 – vendido ao Valência por 8 milhões de euros, em julho, e que já tem uma oferta de 11 milhões de um clube da Premier League. É impressionante comparar o plantel atual com aquele que o Sporting tinha há um ano. Exigir mais nas condições presentes... Leia o resto →

Nani deixou em Alvalade um rasto de desilusão

Sei que a situação financeira do Sporting é difícil mas, como simples observador, detesto ver sair Montero e Nani de Alvalade. O colombiano pela sua postura, de nível bem expresso na mensagem com que se despediu, mais uma vez, dos adeptos leoninos. E Nani… por ser Nani. Quando se volta a casa, ao cabo de uma carreira recheada de sucessos, e de milhões de euros, é para se desfrutar do afeto e não para quebrar de novo o elo que se refez. Porque o regresso de Nani tinha, para ele... Leia o resto →

Semana desastrosa para o artista

Semana desastrosa, caí para quarto, é a vida. Os sete primeiros: BPrata 128 pontos, RSantos 131, LSantana 136, APais 138, AVale 140, NEncarnação 142 e CRodrigues 145 pontos.

« Entradas mais antigas

 
Back to top